GUME

O que é o GUME?

O GUME é um espetáculo de poesia e oficinas de leitura de textos poéticos. Um projeto de promoção e descobertas de autores e facilitador de leituras. Para além de ser composto por um espetáculo de poesia e música e vídeo, o GUME é, também, uma oficina que visa abrir os caminhos que levam até ao desfrutar de toda a magia e luz que a poesia traz à nossa vida.

Como surgiu este espetáculo de poesia?

Ao longo do confinamento que começou em março de 2020, surgiu a ideia de partilhar textos poéticos acompanhados por música e vídeo . Posso dizer que foi de forma egoísta que esta ideia surgiu. Foi a poesia que me ajudou a enfrentar esses dias tão carregados de incerteza.

Esta oficina e espetáculo de poesia surgiram a partir do meu percurso enquanto leitor de poesia. O facto de eu ter identificado o que me tinha afastado tanto tempo deste género literário, levou-me a criar uma proposta de mediação de leitura dedicada à poesia. Acredito que o caminho que eu fiz por minha conta e risco, pode ser encurtado através da partilha de experiências e textos.

Marcar uma sessão GUME

Para que serve o GUME?

O principal objetivo do GUME é a promoção da poesia e o gosto pela sua leitura de forma regular. Através de um trabalho cuidado de análise, foi feita uma escolha de poetas e poemas cujas palavras rasgam os dias mais escuros e nos indicam o caminho. Os textos apresentados na oficina e no espetáculo de poesia foram escolhidos para ajudar a dar os primeiros passos na leitura deste tipo de literatura.

Presente neste projeto está, também, a descoberta de novos poetas. Na maioria dos casos, os poetas trabalhados acabam por ser os mais conhecidos. É, por isso, fundamental alargar os horizontes e trazer à luz criadores brilhantes que muitas vezes acabam esquecidos.

A quem se destina o GUME?

O GUME é para quem gosta e para quem não gosta de poesia. Destina-se a todos aqueles que por algum motivo se sentem afastados da poesia e para os amantes deste género literário.

Veja aqui o vídeo que foi criado no âmbito do evento Sons de São Brás, um espetáculo musical para celebrar o aniversário da elevação de São Brás de Alportel a concelho.

O poeta escolhido foi Bernardo Passos, natural do concelho. Os dois poemas recitados neste vídeo foram O Muro e O Bailarico. A música que acompanha a declamação é um original composto e tocado por mim, Fernando Guerreiro.

Marcar uma sessão GUME

Aqui poderá ver alguns dos vídeos criados para a versão online do GUME que se começou por chamar Palavras dos Outros.

Marcar uma sessão GUME

Para realizar uma oficina ou um espetáculo de poesia, deixe-me aqui uma mensagem e falamos sobre como colaborar para levar o GUME por esse mundo fora.